O que é FSH?

O que é FSH?

As atividades que regem o funcionamento do organismo humano são controladas por processos complexos. Os hormônios têm papel de destaque nesse controle. Por meio da produção e sistematização, o organismo pode regular a ação de seus diversos órgãos. Alguns hormônios exercem papel fundamental no sistema reprodutor, como o FSH.

O sistema reprodutor feminino utiliza tais hormônios para regular as diversas fases do ciclo menstrual e preparar, a cada novo ciclo, o organismo feminino para uma possível gravidez.

Alguns hormônios estão ligados a cada etapa do ciclo menstrual, independentemente de a mulher estar ou não grávida. Outros estão associados à presença de uma gravidez. O FSH é um hormônio que se faz presente tanto no organismo feminino quanto masculino e que exerce papel fundamental para que a gravidez possa ocorrer.

O FSH é um dos hormônios mais importantes para a gravidez. Se você está tentando engravidar, saiba mais sobre o assunto.

O FSH

FSH é a sigla para hormônio folículo-estimulante. Esse hormônio está presente tanto em homens como em mulheres, embora seus maiores níveis estejam no organismo feminino.

Produzido pela hipófise, esse hormônio tem a função de regular a maturação dos gametas masculino e feminino durante a idade fértil. Portanto, ele está ligado à fertilidade, e a concentração desse hormônio no sangue é uma forma de identificar o correto funcionamento dos testículos, no caso do organismo masculino, e dos ovários, no caso do organismo feminino.

Os valores desse hormônio variam tanto de acordo com o gênero quanto com a idade da pessoa.

Quais são suas funções no organismo masculino e feminino?

O FSH é responsável por regular a atividade dos ovários e dos testículos. No organismo masculino, sua atuação ocorre durante a espermatogênese, preparando os espermatozoides para que possam fecundar o óvulo.

No organismo feminino, esse hormônio tem atuação principal durante a primeira fase do ciclo menstrual, na qual se faz necessário o desenvolvimento dos folículos a fim de que a ovulação ocorra.

Dessa forma, ele é fundamental para que os ovócitos sejam amadurecidos e liberados a cada ciclo menstrual. Esse hormônio causa a proliferação dessas células foliculares ovarianas e também estimula a secreção do estrogênio, outro hormônio fundamental para a fertilidade.

Qual sua função no ciclo menstrual?

O ciclo menstrual é um processo natural pelo qual mulheres em idade reprodutiva passam. As mudanças biológicas que ocorrem durante esse ciclo têm como intuito a preparação do organismo feminino para uma possível gravidez.

Para que a fecundação ocorra, o folículo deve crescer, amadurecer e romper para liberar o óvulo. Esse gameta, então, fica localizado nas tubas uterinas, onde pode ocorrer o encontro com o espermatozoide que caracteriza a fecundação.

O FSH exerce papel fundamental no amadurecimento do folículo para a ovulação, em cada ciclo menstrual.

Ao período da ovulação segue-se a chamada fase lútea, na qual o óvulo é liberado pelo folículo para ser fecundado. Caso a fecundação ocorra, o embrião gerado se encaminha para o útero, a fim de se implantar na parede uterina.

O FSH também é essencial por estimular a produção do estrogênio, que atua regulando as funções do sistema reprodutor.

Exames que podem medir seus níveis

O exame FSH tem o objetivo de medir os valores desse hormônio no organismo. Esse exame pode ser solicitado em caso de casais que apresentem dificuldades de engravidar e pode determinar diversos fatores.

Dentre os fatores que são passíveis de serem determinados por esse exame estão o início da menopausa, o correto funcionamento dos testículos e ovários, a contagem de espermatozoides do homem, a produção de óvulos na mulher e as causas de irregularidades na menstruação.

Para realizar o exame, é importante informar ao médico os medicamentos ingeridos com regularidade, uma vez que há diversos medicamentos que podem interferir no resultado do teste.

Esse exame leva poucos minutos para ser realizado e consiste na recolha de uma amostra de sangue para ser analisada. Essa amostra é eficiente em determinar os níveis de FSH no organismo.

Os valores do exame podem indicar FSH alto ou baixo. O FSH alto, no caso das mulheres está associado à perda precoce da função ovariana. O FSH baixo indica problemas no amadurecimento dos ovócitos.

A importância do FSH para a reprodução assistida

O FSH é um importante hormônio nos procedimentos de reprodução assistida, devido à sua atuação para o crescimento dos folículos, em uma etapa conhecida como estimulação ovariana.

Um percentual expressivo de mulheres diagnosticadas com infertilidade apresenta problemas relacionados à ovulação. O intuito dessa etapa é estimular o amadurecimento de um número maior de folículos para coleta dos óvulos. Isso aumenta as chances de gravidez.

Essa etapa é realizada em técnicas de reprodução assistida diversas, como a relação sexual programada (RSP), FIV (fertilização in vitro) e inseminação intrauterina (IIU). A escolha da técnica adequada depende da análise médica das causas da infertilidade.

O FSH é um hormônio fundamental para a fertilidade tanto masculina quanto feminina. Esperamos que esse artigo tenha sido informativo. Compartilhe-o em suas redes sociais para que outras pessoas saibam mais sobre o FSH.

Compartilhe:

Deixe seu comentário:

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de